quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Apenas comemorar




Natal Galponeiro

Jayme Caetano Braun

A cuia do chimarrão,
É o cálice do ritual,
E o galpão é a Catedral
Maior da terra pampeana,
Que de luzes se engalana,
Para esperar o NATAL.
A cuia aquece na palma
Da mão da indiada campeira,
Dentro da sua maneira,
Rezando e chairando a alma,
Para recuperar a calma,
Que fugiu do mundo inteiro.
Enquanto o estrelão viajeiro,
Já vem rasgando caminho,
para anunciar o "Piazinho",
A Virgem e o Carpinteiro.
Em nome do Pai,
- Do Filho e do Espírito Santo,
É o chimarrão que levanto,
E o vento faz estribilho,
A prece do andarilho,
Ao Piazito Salvador,
Filho de Nosso Senhor,
Do Espírito e do Pai,
De volta a terra aonde vai,
Falar de novo em amor!
.................................
http://letras.mus.br/jayme-caetano-braun/819324/











Ooey pegajosos.  Brie não tinha a menor chance contra o calor Manila.



http://my.lifestyleasia.com/features/wine-and-dine/kuala-lumpur-bite-size-deals-christmas-edition-10254
http://cozinhadajanita.blogspot.com.br/2011/11/no-natal-decorar-mesa-e-essencial.html

                       Até a próxima.

7 comentários:

  1. Bela letra! Melhor ainda esse queijo ai.... aimôpai! kkkkkkk

    O Sibarita

    ResponderExcluir
  2. Que legal!

    http://www.starfashionmakeup.com.br/

    Beijinhos!!!!

    :)

    ResponderExcluir
  3. Todo muito interessante, que mais publicação saborosa e festiva! Legal mesmo.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  4. ola tudo bem????
    gostei do seu blog...
    bjs ótima semana
    leila
    www.fazendoarteleriente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá amiga!
    Estou tentando te seguir mas não encontro o lugar dos seguidores!!!vou continuar tentado!!Adorei os seus blogs!!
    Adoro os costumes e o povo gaúcho!!!
    http://cacaujafet.blogspot.com
    bjossss

    ResponderExcluir